• Prev
Três Rios/RJ - Nos dias 17 à 19 de março de 2019, a Igreja ...
TRÊS RIOS/RJ - Pastores de várias denominações evangélicas da ...
Três Rios/RJ - Com intuito de unir a Juventude Evangélica de várias ...
Três Rios/RJ - A Igreja Assembleia de Deus Vida em Cristo, realizou, nos  ...
Rede Vipgospel - todas logos

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou nesta quarta-feira (9) que a reunião com as lideranças democratas no Congresso, Nancy Pelosi e Chuck Schumer, foi uma “perda total de tempo” e reiterou que não haverá acordo sem que o financiamento da construção do muro na fronteira com o México esteja no orçamento.

O objetivo do encontro era tentar solucionar a paralisação parcial do governo.

– Acabo de sair da reunião com Chuck e Nancy, uma perda total de tempo – afirmou o presidente americano no Twitter, enquanto a oposição reclamava de Trump ter terminado o encontro abruptamente.

– Perguntei o que iria ocorrer em 30 dias se eu rapidamente desbloqueasse a situação, eles aprovariam a segurança na fronteira que inclui um muro ou uma barreira de aço: Nancy disse “não”. Eu disse “tchau-tchau”, nada mais funciona! – escreveu Trump.

Em declarações a jornalistas que aguardavam o término do encontro, o líder da minoria democrata no Senado, Chuck Schumer, criticou o comportamento de Trump.

– Infelizmente, o presidente se levantou e foi embora – disse.

Segundo Schumer, Trump afirmou que não havia nada mais para discutir depois de a presidente da Câmara dos Representantes, Nancy Pelosi, ter negado aprovar o financiamento para as obras do muro.

Antes, em um lanche com congressistas republicanos no Capitólio, o presidente americano afirmou que o muro é uma “necessidade” e disse estar disposto a manter a paralisação parcial do governo o tempo que for necessário para conseguir as verbas para o projeto.

Na noite de terça, Trump fez um discurso em rede nacional de televisão sobre a questão e afirmou que há uma “crise humanitária e de segurança crescente” na fronteira com o México. Para resolver o problema, ele pede um financiamento de 5,7 bilhões de dólares (R$ 21 bilhões).

A imprensa americana ressaltou que Trump fez várias afirmações falsas ou omitiu dados durante o discurso.

Depois do discurso de Trump, a oposição democrata, que controla a Câmara dos Representantes, disse que manterá a posição de se negar a disponibilizar a verba para a obra desejada pelo presidente.

A falta de acordo entre democratas e republicanos sobre o orçamento federal provocou a paralisação parcial do governo, que já completou 19 dias.

Diferentes órgãos estão sem funcionar plenamente devido à falta de recursos e cerca de 420 mil funcionários do governo, considerados essenciais, estão trabalhando sem receber.

Trump irá nesta sexta para o Texas, onde se encontrará com as autoridades locais para acompanhar a situação em primeira mão na região.

Com informações de Pleno News

Visitas no Site

0011862186
HojeHoje87
OntemOntem1228
Esta SemanaEsta Semana6667
Este MêsEste Mês23835
Todos os diasTodos os dias11862186

Siga-nos no Facebook

Usuários Online

Temos 147 visitantes e Nenhum membro online