Rede Vipgospel - todas logos
VIP JOVEM (Santidade, Relacionamento, Guia Profissional e Drogas)
  • Prev
Existem dois extremos prejudiciais na caminhada cristã: a religiosidade e a libertinagem. ...
Como cristão, você deve sempre pedir orientação a Deus antes de ...
Entorpecentes sempre foram um meio de aproximação de algum falso deus. Ap 22.14-15 ...
O período de inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) ...

Nas últimas semanas, uma nova ferramenta do Facebook nos Estados Unidos, está permitindo aos grupos religiosos da plataforma pedir orações. A empresa decidiu que os cristãos são bons para os negócios.

O recurso de oração foi lançado recentemente, porém desde 2017, o CEO Mark Zuckerberg já havia comentado que as igrejas são essenciais para conectar o mundo, por isso a empresa teria criado uma equipe para trabalhar com “parcerias de fé”.

Dessa forma, o Facebook enxerga que a comunidade religiosa pode impulsionar o engajamento da maior plataforma de mídia social do mundo.

Todavia, esses esforços foram acelerados por causa da Covid-19, depois que a empresa percebeu o aumento do número de pessoas pedindo orações, segundo a diretora de parcerias religiosas do Facebook, e também pastora, Nona Jonas.

No mês passado a empresa realizou sua primeira cúpula com líderes religiosos, o evento foi transmitido ao vivo na plataforma. Durante a transmissão, o Facebook produziu vídeos com emojis de coração flutuando na tela durante os sermões dos pastores nas congregações.

Ferramenta visa aumentar o engajamento das congregações

Sheryl Sandberg, diretora de operações disse que em um futuro próximo ferramentas de realidade virtual aumentarão o envolvimento dos líderes religiosos com os fiéis.

A ferramenta de oração já vinha sendo testada em algumas comunidades religiosas do Facebook. Porém, no final de maio, ela se tornou acessível para todos os grupos da plataforma nos EUA.

Em um dos grupos, uma mulher usou a ferramenta para solicitar orações para uma tia que estava com coronavírus, para responder as pessoas clicaram no botão “eu orei” e seus nomes aparecem abaixo. Os usuários também podem escolher se querem ser notificados de orar no dia seguinte.

O chefe do aplicativo do Facebook, Fidji Simo, comentou durante a cúpula que “uma das maiores comunidades que usam produtos do Facebook para se conectar são pessoas de fé”. E acrescentou: “Quando olhei para os dados do que estava decolando durante a pandemia, vimos um crescimento massivo na categoria espiritual”.

No entanto, alguns membros de comunidades religiosas no Facebook, disseram estar preocupados com a privacidade das mensagens de oração. Outros esperam que a plataforma eventualmente esteja interessada em vender algo, reportou a Reuters.


Fonte: Gospel Prime

Visitas no Site

0012798177
HojeHoje155
OntemOntem760
Esta SemanaEsta Semana155
Este MêsEste Mês15523
Todos os diasTodos os dias12798177

Who's Online

Temos 114 visitantes e Nenhum membro online