Rede Vipgospel - todas logos
VIP JOVEM (Santidade, Relacionamento, Guia Profissional e Drogas)
  • Prev
Quando se fala em advogado, a primeira coisa que se vem à cabeça é que algum ...
Quando o assunto é RELACIONAMENTO não dá para pular etapas e nem inverter ...
Construir, promover e preservar a boa imagem de empresas ou instituições perante o ...
Quem nunca passou por um período de dúvida com relação a alguma ...

Imagem relacionada

Fazer uma pausa nos estudos é importante, a gente sabe. No ano em que muitos estudantes se preparam para o Enem e o Vestibular, ficar longe das aulas e provas por alguns dias ou semanas pode dar uma energia extra para enfrentar os desafios do semestre seguinte... e dos processos seletivos. Mas as férias não precisam significar distância total dos livros e cadernos. Você pode aproveitar a folga para se estruturar e organizar seus estudos.

Criamos este guia com cinco dicas que você pode seguir para aproveitar o período de férias para turbinar seus estudos para o Enem e o Vestibular.

1. Adote ou desenvolva hábitos de organização e produtividade
As técnicas de produtividade ajudam o estudante a ser mais eficiente em todo o processo de estudo: desde a anotação durante as aulas até a hora da prova. Isso porque elas ajudam a gerenciar melhor o tempo, manter o foco e aumentar a eficiência.

O GTD (Getting Things Done, do inglês), tem por princípio liberar o cérebro para pensar, colocando as coisas no papel e transformando-as em ações. O argumento do autor é que aquela lista mental de coisas a fazer (matérias para estudar, aulas para assistir etc.) criam uma espécie de "lixo" que bloqueia e atrapalha o pensamento, e que tirá-las da cabeça de forma organizada faz com que o praticante do GTD seja mais ágil e eficiente. O GTD também é uma espécie de "mãe" de outras técnicas, adaptações um pouco menos rígidas do mesmo modelo.

2. Incremente seus esquemas e anotações
Conseguir resumir visualmente a matéria de estudo é uma das formas de fixar melhor o conteúdo do Vestibular e Enem. E você pode criar seus próprios desenhos e gráficos. Mapas mentais também são uma ótima forma de organizar os estudos, seja

para resumir um texto, conceitos, ou mesmo para esquematizar um trabalho

ou redação. A ideia é simples: estabelecer relações entre as partes a

partir de um conceito ou palavra central. Lembre-se de usar cores diferentes para categorizar, classificar e hierarquizar a informação que estiver anotando.

Conheça uma técnica de pensamento visual e uma tabela periódica com os tipos de gráficos e seus usos neste artigo.

3. Atenção, concentração, foco
Por melhores que sejam as aulas, o professor, a escola e as suas anotações, todo esse esforço pode ir por água abaixo se você estiver desatento, distraído e sem foco na hora de estudar ou de fazer a prova do Enem ou Vestibular. Por isso, investir um tempo para aprender algumas técnicas de concentração pode ajudá-lo a ter um rendimento e resultados melhores.

Selecionamos três técnicas matadoras para melhorar sua concentração: a técnica "pomodoro", a técnica de "só mais cinco" e uma "meditação instantânea que você pode fazer em qualquer lugar. Para saber mais, veja este artigo.

4. Aprenda a turbinar sua memória e crie seus próprios macetes para o vestibular e Enem
Os macetes para o Vestibular e Enem são uma forma de relembrar um conteúdo de maneira fácil, rápida e, muitas vezes, divertida. Muitos deles são baseados em técnicas mnemônicas, ou seja, em métodos que turbinam sua memória.

Alguns desses métodos são:

- Associação, Imaginação e Localização: forma "pares imaginários" e dá um contexto a eles (a localização).

- Segmentação e Organização: quebra a informação em partes menores e classifica-a de forma ordenada.

- Método de Loci: cria um "quarto" ou "palácio" imaginário onde você pode guardar conteúdos e imagens.

- Frases, siglas e acrônimos: jogos de palavras são usados em boa parte dos macetes.

- Rimas e música: paródias de músicas existentes ou criação de rimas e melodias para fixar a matéria.

Saiba mais sobre esses métodos para turbinar a memória neste artigo.

5. Faça Simulados
As férias (e fins de semana) são a época ideal para você recriar a situação que vai enfrentar no Enem e no Vestibular. Para fazer seu próprio simulado, baixe os cadernos de prova do ano anterior, imprima e vá para um lugar tranquilo (seu quarto ou escritório). Faça a prova respeitando o tempo determinado e as condições do exame, sem consultar nenhum material, sem celular ou internet. Não esqueça de preencher o cartão de respostas e passar a redação a limpo. Depois de fazer as provas, você pode consultar o gabarito e, a partir das questões que errou, montar um novo esquema de estudo para sanar suas dúvidas.

Você não precisa seguir todas as cinco dicas. Afinal, férias são férias e descansar a cabeça pode fazer maravilhas por seu desempenho. Mas não custa adotar uma ou duas delas para aumentar suas chances de passar no vestibular e se dar bem no Enem.

Com informações de www.mundovestibular.com.br

Visitas no Site

0012315422
HojeHoje82
OntemOntem1063
Esta SemanaEsta Semana1064
Este MêsEste Mês18381
Todos os diasTodos os dias12315422

Who's Online

Temos 241 visitantes e Nenhum membro online